segunda-feira, 1 de março de 2010

o que é dizimo? O dízimo é bíblico? As Dimensões do Dízimo

O que é o dízimo?

“É uma pergunta que muitos fazem: “Quanto devo ‘pagar’? O que é o dízimo? Como devo contribuir?
É bom esclarecermos, de início, que dízimo não se paga. Com o dízimo se contribui. Quando pensamos dessa forma, até a linguagem muda de aspecto. É bom utilizar-mos a linguagem da Bíblia para falar sobre o dízimo.
A Bíblia fala em trazer o dízimo.O Dízimo é dízimo porque o Senhor assim o quis.
Dízimo vem de 10% daquilo que se ganha mensalmente.
Dízimo é simplesmente uma questão de fazer a experiência com Deus.
Dízimo é comunhão e partilha, mas, para chegar a isso, é necessário educar a fé “Todos tinham tudo em comum e repartiam seus bens entre os necessitados” (At 2,44-45).

O dízimo é bíblico?

Sem dúvida alguma, nada melhor do que entender que o dízimo é de origem bíblica. Só podemos compreender Um dízimo que tenha embasamento na Palavra de Deus. Assim entendido, desfazem-se todas as dúvidas sobre essa forma de contribuição.
A Bíblia está cheia de referências sobre o dízimo, ofertas, coletas, esmolas, etc.
Muitos se confundem quanto à diferença entre dízimo, oferta e esmola. O dizimista – e o cristão em geral – deve estar atento à diferença que existe entre essas expressões. Uma não supõe a outra. Ao contrário, uma exclui a outra

  • Dízimo. É a décima parte* que ofereço a Deus e, em nosso caso, à Igreja. O dízimo é uma forma estipulada e educativa para levar o povo a se lembrar concretamente de Deus na época das colheitas e das crias dos rebanhos. Em nosso caso, como vivemos na cidade e somos assalariados, nosso dízimo é mensal. “Há quem dá generosamente, e sua riqueza aumenta ainda mais; e há quem acumula injustamente, e acaba na miséria. Quem é generoso progride na vida, e quem dá de beber jamais passará sede. O povo amaldiçoa quem sonega alimentos, e abençoa quem os põe no mercado.” (Provérbios 11,24-26)
  • Oferta. Ato de oferecer(-se); oferecimento. V. oferenda...*. A oferta também deve ser feita a partir de um trabalho de conscientização. Oferta não é qualquer coisa que ofereço a Deus, à Igreja. Devemos fazer a oferta de acordo com o impulso do coração. O livro do Êxodo (22,29a) diz: “Não tardarás a oferecer-me as primícias de tua colheita e de tua vindima”.·  
  • Esmola. No dicionário encontramos assim registrado o significado da palavra esmola: “o que se dá aos necessitados, por caridade ou filantropia; óbolo, espórtula. Auxílio, amparo; benefício. Donativo em dinheiro, que se faz ao padre durante a celebração na missa.”*. Jesus, ao desmascarar a hipocrisia dos fariseus, assim se refere às esmolas: “Quando deres esmola, que a tua mão esquerda não saiba o que fez a direita” (Mt 6,3).  

     Objetivo Específico
O Dízimo em uma paróquia busca desenvolver dentro da comunidade as três dimensões fundamentais como pastoral: DIMENSÃO RELIGIOSA, DIMENSÃO SOCIAL E DIMENSÃO MISSIONÁRIA
“O Dízimo como Pastoral tem como objetivo máximo de toda Pastoral, a implantação de comunidades, ou seja, forma comunidades. Sob esse aspecto, quer se considere o problema do ponto de vista bíblico, teológico ou sociológico, o sistema do Dízimo se impõe como muito mais verdadeiro, seja como instrumento de construção da comunidade, seja como forma de expressão de sua participação real.” (Estudo da CNBB 8)

As Dimensões do Dízimo
DIMENSÃO RELIGIOSA
  • Folhetos para acompanhar a liturgia
  • Folhas de cânticos
  • Velas, vinho, hóstias, som, ....
  • Materiais necessários para catequese: livro, papel, ...
  • Conta de luz, água, telefone, etc.(tudo isso carece de dinheiro)
DIMENSÃO SOCIAL
  • O pobre, a viúva, o menor abandonado, o indigente, o peregrino, o estrangeiro...
  • O dízimo tem um lugar determinado por Deus: Deut 12,11-12
  • Enfim, os que por alguma razão não podem prover seu sustento, são responsabilidade da comunidade

DIMENSÃO MISSIONÁRIA 
  • Quando contribuo para que seja desenvolvido um trabalho pastoral eficiente
  • Quando contribuo para que seja criada uma catequese eficaz
  • Quando contribuo na formação de catequistas, animadores de comunidades
  • Quando contribuo na formação de missionários para evangelizar
  • Quando contribuo na preparação e envio de missionários
Requisitos Para Ser da Pastoral do Dízimo:

1. SER dizimista pra valer. SER fiel ao Dízimo
2. TER consciência de que o Dízimo é um trabalho pastoral
3. TER conhecimento do que é o Dízimo. Conhecer bem o assunto. Estar preparado para esclarecer dúvidas
4. TER disponibilidade para o Dízimo
5. TER capacidade de trabalhar em equipe e pregar a UNIÃO entre os membros desta equipe
6. TER o concorde do Pároco, da Coordenação e da Pastoral 

“Dízimo é um ato de comunhão fraterna entre os membros da Comunidade, onde se testemunha a vivência dos primeiros cristãos, que tudo partilhavam". “Todos os fiéis viviam unidos e tinham tudo em comum” (At 2,4)

Reações: 
Share This

0 comentários: