terça-feira, 21 de abril de 2009

Dom Helder Câmara está vivo

Os corredores do mosteiro da Vila Kostka, em Itaici, município de Indaiatuba (SP) falam por si só. A painéis dom Helder Câmaracasa dos jesuítas, sede da 47ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), lembra, em frases e fotografias, presentes em 39 banners o centenário de nascimento do arcebispo de Olinda e Recife (PE).

Frases como: “Irmão dos pobres – meu irmão”; “A miséria é uma ofensa ao criador e pai”; “Ajudar a criar um mundo mais humano é um dos sonhos da minha vida”, de autoria do bispo dos pobres, foi a forma que a Conferência encontrou para celebrar os cem anos de nascimento do Dom.

Além dos painéis, um dos momentos mais solenes desta Assembleia será a sessão plenária em homenagem ao centenário de nascimento do bispo falecido em 1999.

O secretário-geral da CNBB, dom Dimas Lara Barbosa, ao dirigir palavras sobre o Dom, afirma tratar-se de um “pastor que a Igreja ostenta diante do mundo marcado pelo profetismo painéis dom Helder Câmaraitinerante”, em virtude da situação de censura à qual foi submetido.

Ainda segundo o secretário, dom Helder é modelo para os bispos de hoje e de amanhã. “Ele é um modelo a ser seguido. Um pastor, místico, poeta, alguém que viveu a sua opção pelos pobres de uma maneira muito coerente e singular (...)”.

Imagens: Padre Altevir, CSSp
Fonte: CNBB

Reações: 
Share This

0 comentários: